Últimos posts

Pesquisa

Publicidade


Oii amiga! Tudo bem com você?!
Você sabe que não tenho passado por bons momentos, então sabe quando você para e pensa no que você está fazendo da sua vida e não gosta da resposta? É por várias vezes esse ano eu me fiz essa pergunta e não gostei da resposta! Eu estava me dedicando muito a uma coisa que eu gosto mas que não é e nem nunca foi o meu sonho, queria trabalhar em outra coisa que meu ex não queria e tipo eu não estava feliz. 

Eu sempre, sempre trabalhei fora e tive liberdade de fazer o que eu queria e comprar o que eu queria também, então não estava fácil não poder sair pra trabalhar na rua, ver pessoas, fazer amizades, eu não tinha como trabalhar fora assim, porque nós alugávamos o nosso apartamento por temporada, e durante esse período ficávamos fora do Rio e esse ano alugamos Carnaval, Olimpíadas e ele já está alugado também para o Reveillon. Em nenhuma empresa normal conseguiria ficar tantos dias fora, então precisava de um emprego informal e o que eu queria que podia ver gente, me sentir útil meu ex colocava 1093989389084092 de empecilhos e acabei me dedicando cada vez mais ao blog e a coisas relacionadas a ele, não que eu não goste de ficar aqui pelo blog, eu gosto mas como um hobby, algo pra me distrair como sempre foi. Já teve dias de eu chorar muito por estar em casa sem ter nada pra fazer, por várias vezes pensei em ir embora, já viu quando você não se sente mais você? Não se sente útil? Era assim que me sentia por várias vezes! 

Tinha dias que não queria acordar, outros não conseguia dormir, esse ano não foi bom pra mim, foi um ano atípico, me senti triste a maior parte dele, não me senti sendo eu mesma, hoje eu sei que estou com um quadro leve de depressão. Parei de gostar e de fazer coisas simples que eu gostava, meu ex brigava muito comigo, me cobrava muito cetas coisas, por várias vezes esse ano evitei brigar e deixei pra lá muitas coisas, me refugiei na internet pra fugir da vida que estava levando, porque ficava presa dentro de um apartamento o dia todo e a internet era o que me restava, a única pessoa que tinha pra conversar era o meu ex, mas claro que tudo que ele fazia e que me magoava, ele já é meio grosso naturalmente, então tudo tomava uma dimensão ainda maior porque eu não tinha mais nada além dele. Eu queria muito trabalhar com corretagem, era uma coisa que eu queria muito, tinha criado uma grande expectativa, comecei a trabalhar e na outra semana já tive que parar, por causa dele, fiquei extremamente frustrada, a partir dali. E a partir daí tudo começou a mudar em mim. E amiga, depressão é algo sério principalmente se não for tratado.


Meu ex terminou comigo têm 3 semanas, e em 3 semanas por incrível que pareça a minha vida já mudou bastante. É meio irônico porque ele me trocou justamente por uma menina que trabalha justamente com o que eu queria trabalhar, eu ainda não estou 100% bem porque esse término não foi fácil qualquer dia eu vou te contar tudo que aconteceu pra você poder entender o porque fiquei tão triste e mal com tudo isso, mas hoje eu só queria desabafar mesmo com você que menina às vezes a gente tá com algum problema sério e as pessoas que às vezes estão ao nosso lado nem percebem o que está se passando, sabe?! É bom a gente notar o comportamento da pessoa que está ao nosso lado porque o meu mudou bastante e eu só fui dar conta do que estava acontecendo comigo e descobrir o que eu tinha quando voltei pra minha casa. 

Se eu pudesse com certeza apagaria esse ano da minha memória, mas como não posso aos pouquinhos vou tentar esquecê-lo, vivi alguns momentos bons mas o ano foi realmente ruim! Se você está achando que a sua vida está sem sentido, ou se você não se alegra mais (amiga, eu sempre fui extremamente feliz, de rir de qualquer coisa e de ver o lado bom de tudo, exceto nos últimos meses) comece a reparar o que mudou na sua vida, às vezes por alguma mudança você pode estar entrando em um estágio de depressão e nem percebeu ainda, se você reparar alguma alteração em você de comportamento converse com alguém que confie, procure ajuda médica, só não deixe pra lá.


Quanto ao blog, vou continuar por aqui porque gosto mas devo atualizá-lo no máximo umas duas vezes na semana, no canal também devo postar um vídeo por semana, no Instagram continuarei atualizando provavelmente todos os dias ou quase, porque gosto muito de fotos. Mas minha amiga, eu sempre gostei muito de viver a vida real, sempre gostei de viajar nos finais de semana ou fazer qualquer coisa mas sem estar conectada o tempo todo, desde que voltei pra casa já houveram algumas mudanças em minha vida, que me fizeram sair dessa realidade virtual, que pra mim parecia mais uma prisão e apesar de toda tristeza que ando sentindo, têm dias que me sinto mais feliz e que me pego rindo muito mais do que estava. Depois vou ver o dia certinho que conseguirei postar no blog e no YouTube e te aviso, mas se tu notar que eu não estou tão presente aqui é por isso! Eu fico muito feliz de poder vir aqui conversar com você mas eu preciso ser eu mesma, sabe?! E muitas das vezes eu aqui não sou eu, eu gosto de moda, beleza mas também gosto de uma boa conversa, de falar de sentimentos, de falar da vida, ou de falar de algum assunto mais profundo, eu não sou superficial e às vezes aqui no blog me pego sendo um pouco superficial, não quero mais ser assim no blog, vou ser sempre eu mesma aqui, eu não quero ter um blog que faça sucesso, nem buscar por isso, eu quero continuar com meu blog pra poder falar o que eu sinto, o que eu vivo e as minhas opiniões! Eu não tenho o sonho de viver de blog, na realidade nunca tive, eu gosto de usar esse espaço aqui pra poder fazer amizades, pra conversar com você, contar o que sinto, e saber de você! E é isso que vou continuar fazendo, sem pressão e sem nada! 

Bom minha amiga, só queria mesmo te contar da minha vida e claro saber um pouquinho da sua também, espero que não esteja vivendo nenhum mal momento, mas se tiver tenha a certeza de uma coisa nada é eterno,o mundo dá tantas e tantas voltas, tudo passa e problemas também passam! 

Mil beijos se eu conseguir final de semana apareço aqui, se não até segunda! 

Deixe seu comentário
Compartilhe

Comente pelo Facebook!

21 Comentários

  1. Bah, Carol... que barra!
    Infelizmente ninguém tá livre, né? Mas ainda bem que tu já tá conseguindo dar a volta por cima.
    Continua assim, voltando a ser quem tu realmente é e quem sabe até se auto-(re)descobrindo... Voltando a sorrir e fazendo o que tu quer e está afim.
    Boas energias! \o/

    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tais, pois é querida, ninguém está livre de nada nessa vida! Estou tentando dar a volta por cima aos pouquinhos a gente vai conseguindo, né rs
      Beijinhos e obrigada pelas boas energias! ;)

      Excluir
  2. Eu sei bem o que é depressão, já tive vários momentos assim porque eu também sofro de outras coisitas sabe. Tenho percebido sempre esse ar em seus textos desde que você retornou ao blog, me parece que você o usa também para desabafar. Você já fez terapia?
    Eu ainda tenho muitos problemas, antes eu relutava e as vezes não concorda com a minha psicóloga mas no decorrer do tempo eu fui percebendo tantas coisas, e hoje em dia eu melhorei bastante. Acho que valia a pena você tentar, a gente descobre muito sobre nós e sobre os outros.
    Achei triste seu post, vendo o quanto essa relação te boicotava, seus sonhos, suas vontades. Sei que a dor ainda está aí, mas creio que você saiu de uma prisão mesmo, só está machucada, assim que se recuperar irá voar livremente em busca de todos os seus sonhos.
    Boa sorte! Que esse dia chegue logoooo! bjs
    www.simplesmenteciana.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ciane, pois é desde que eu retornei com o blog tenho usado muito esse espaço pra desabafar e falar da minha vida, não costumava falar muito o que sentia aqui mas acho que poder usar esse espaço pra compartilhar o que sinto tem me feito bem, sabe?! Não tenho tantas amigas assim. Eu já procurei uma psicóloga, espero que realmente me ajude.
      Realmente, eu gosto do meu ex mas sim, essa relação não estava me fazendo tão bem porque eu não podia fazer o que queria e isso acabou me prejudicando muito, acabei deixando de viver a minha vida pra viver em função das coisas que tinhamos que fazer e depois a internet acabou se tornando um refúgio pra mim. Espero que com o tempo eu me recomponha e me recupere!
      Beijinhos

      Excluir
  3. Olá, fico triste em saber que tu está com depressão, mas feliz por tu ter percebido e estar se reerguendo, espero que apesar da dor do término isso te ajude a seguir teus sonhos que antes não podia ;) ... depressão é complicado, sei bem disso =/ ... :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, graças a Deus percebi o que estava acontecendo comigo, meus pais e meu irmão também estão me ajudando muito! Minha vida começou a mudar um pouquinho com o tempo espero me recuperar por completo!
      Beijinhos

      Excluir
  4. Depressão é parceira há 6 anos e ela simplesmente se recusa a me deixar, sei bem como se sente, mas se as coisas já estão mudando eu fico imensamente feliz por você! \o/ Sucesso na nova fase e que a depre saia fora rapidinho pra você ter dias mais e mais maravilhosos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lila, obrigada!
      Espero mesmo poder ficar bem e espero também que você mesmo com depressão também esteja bem!
      Beijos

      Excluir
  5. Meu 2016 foi barra pesada também... "foi um ano atípico, me senti triste a maior parte dele..." Me identifiquei com o seu texto.

    ResponderExcluir
  6. Carol, eu vivi um namoro, meu primeiro namoro, com uma pessoa assim. Ele era grosso, não me permitia sair com as minhas amigas, meus amigos pararam de falar comigo, ou seja, só tinha ele pra conversar, o pior é que nada do que eu falava ele se interessava em ouvir. Chorei muito ao lado dele, ele me fez muito mal, até hoje eu sinto marcas que ele deixou em mim que me atrapalham muito e que eu tenho medo de deixar esse assunto pra lá e entrar em depressão.
    Quando comecei o meu namoro atual eu tinha medo de falar sobre as coisas que me incomodavam, mas eu percebi que eu precisava falar sim, não podia ficar sofrendo calada, agora é diferente, são coisas bestas, mas que podem ser melhoradas. Eu aprendi a falar e sou ouvida, sou compreendida e tudo isso só serve para melhorar o nosso relacionamento. Hoje eu tenho um amigo com quem eu posso conversar sobre qualquer coisa.
    Eu espero que você melhore, sei que não é nada fácil e principalmente se está sozinho. Melhoras. ♥

    ResponderExcluir
  7. 2012 foi o pior ano da minha vida, eu senti que meus sonhos tinham sido destruídos, eu ficava em casa o dia todo, chorava por não poder fazer o que eu queria fazer e perguntava a Deus o tempo todo "por quê isso?". Eu imagino a dor que você esteja sentindo e que bom que você pôde reconhecer como você está agindo e pôde falar abertamente sobre isso, alertando também a quem possa estar passando por algo parecido. Desejo que aos poucos você saiba reconhecer que foi necessário você se livrar de relacionamento e que você possa voltar a ser a Carolina alegre com a vida como você costumava ser antes desses abalos emocionais e rasteiras da vida. Você tem tudo pra brilhar e vai conseguir. Passar um tempo longe da internet pode ajudar, mas sempre que precisar de ajuda pode contar com a gente.
    Um beijo

    De cara com a Juh

    ResponderExcluir
  8. adorei seu post <3 esse post pode ajudar muitas pessoas que estão passando pela mesma coisa. bjusssssss!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Eu espero muito que você melhore! Eu entendo bem o que você quer dizer com ter tido um ano ruim... esse ano foi de longe ruim, eu não gostei da maioria das coisas que eu fiz, parece que demorou séculos para passar... e eu fiquei triste em muitas situações. Mas ele está acabando, e um novo ciclo está quase começando. Eu espero que tudo melhore para você e para todas as outras pessoas que se sentiram mal nesses meses.
    Sobre seu término, tem coisas ruins que acontecem para o bem!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  10. Antes de qualquer coisa: fazia tempo que eu não passava por aqui, mas seu blog tá lindo! Adorei o novo visual dele.
    Agora sobre o seu post, sobre esse momento: espero de coração que passe, que isso fique pra trás, e que nunca mais você (ou outra pessoa, como foi o caso) te coloque amarras que não lhe deixem ir atrás dos seus sonhos. A gente merece o mundo inteiro e não devemos nunca aceitar menos que isso. Já tive depressão também pós um namoro. Nesse quesito profissional ele sempre me apoiou. O problema era que acaba muitas vezes me afastando de quem me fazia bem. E, com depressão, a gente se afasta o dobro. Juntando a depressão que "adquiri" com a ansiedade que sempre tive, acabou que fiquei com um quadro bem complicado de melhorar. Já faz mais de um ano agora e se posso te dizer uma coisa é que passa. Demora, machuca, tem muita crise de choro no meio, tem medo, tem tudo, mas melhora.

    ResponderExcluir
  11. Desde que li o seu texto fiquei com o coração em pedacinhos...
    É um momento dificil que as lagrimas e as tristezas tem que ser vividas por inteiro
    para você sair dessa BAD muito melhor e feliz

    ResponderExcluir
  12. Querida, fico triste em te ver assim. Infelizmente a depressão é um problema bem sério que precisa de ajuda profissional, mas o fato de tu teres reconhecido já é meio caminho andado. Torço muito pela tua recuperação e tenho certeza de que tu logo logo terá saido dessa ^^
    Abraço :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  13. Olá :) Enviamos um convite para o teu email.
    Contamos contigo? :)

    ResponderExcluir
  14. Flor boa recuperação , muita força para tdo melhorar!!

    ResponderExcluir
  15. Força linda. Deus tem o melhor preparado para você. Pense que isso já é Deus agindo na sua vida, te libertando dos encostos, e de todo mal.
    Esse ano também não foi um dos meu melhores - profissionalmente falando - formei mas continuo desempregada, e sempre bate aquele desanimo, mas penso como ja disse no inicio, que Deus tem sempre o melhor guardado para cada um de nos. Força, e que Deus continue te abençoando.

    www.maisfeminice.com.br

    ResponderExcluir
  16. A depressão é algo muito forte, eu tive e demorou muito para estar bem. Mas além de ir em especialistas os livros do Augusto Cury me ajudou muito a me reerguer.

    ResponderExcluir
  17. Eu fico feliz que esteja bem, mas espero que melhore cada vez mais. Depressão é algo seríssimo, embora muitas pessoas encarem como uma "tristeza passageira".

    Sei bem como é isso, pois 2016 também foi um ano muito ruim para mim. Eu me sentia pressionada, cansada, como se as coisas que eu fazia não tivessem muito sentido. Eu até fiz um post no meu blog tentando ressaltar as coisas boas, mas na última semana ade 2016 e nas primeiras de 2017, parece que tudo despencou e eu comecei a me perguntar "o que eu vou fazer?". No ano passado eu fui numa psicóloga do meu antigo colégio e ela me disse que eu precisava FALAR e me cuidar, pois poderia acabar entrando em depressão... eu já tenho ansiedade, ter depressão seria mais uma coisa horrível! Não voltei mais lá (na psicóloga) e fui acumulando até que tudo despencou logo na primeira semana do ano, o que me rendeu um afastamento, enjoos, cores de cabeça e crises.

    Enfim (já falei demais), eu espero do fundo do meu coração que tudo continue a melhorar pra você. Se cuida, moça! <3

    ResponderExcluir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *